Bíblia Online na Rede:

Levítico 7


1 A lei da oferta pela culpa Esta é a lei da oferta pela culpa: é coisa santíssima.
2 A oferta pela culpa será sacrificada no lugar onde se sacrifica o holocausto, e o sangue dela será aspergido sobre o altar em redor.
3 Toda a gordura será oferecida: a cauda gorda e a gordura que cobre as vísceras,
4 os dois rins e a gordura que está sobre eles, e a que está junto aos lombos; será tirada a protuberância do fígado, juntamente com os rins.
5 E o sacerdote queimará tudo sobre o altar como oferta queimada ao SENHOR; é uma oferta pela culpa.
6 Qualquer homem entre os sacerdotes comerá dela em um lugar santo; é coisa santíssima.
7 Há uma só lei para a oferta pelo pecado e para a oferta pela culpa; ela pertencerá ao sacerdote que tiver feito expiação com ela.
8 Da mesma forma, o sacerdote que oferecer o holocausto em favor de alguém ficará com o couro do animal oferecido.
9 De igual modo, toda oferta de cereais assada no forno, e tudo o que se preparar na frigideira e na assadeira, pertencerá ao sacerdote que a oferecer.
10 Igualmente, toda oferta de cereais, quer seja amassada com azeite, quer não, pertencerá a todos os filhos de Arão, sem distinção.
11 A lei das ofertas pacíficas Esta é a lei do sacrifício das ofertas pacíficas que será oferecido ao SENHOR:
12 se alguém o oferecer como oferta de ação de graças, oferecerá com o sacrifício de ação de graças bolos sem fermento amassados com azeite, bolachas sem fermento untadas com azeite e bolos da melhor farinha amassados com azeite.
13 Oferecerá pão fermentado com os bolos, junto com o sacrifício de ofertas pacíficas em ação de graças.
14 Oferecerá uma parte de cada oferta ao SENHOR; ela pertencerá ao sacerdote que aspergir o sangue da oferta pacífica.
15 A carne do sacrifício de ofertas pacíficas em ação de graças deverá ser comida no dia em que for oferecida; nada será deixado para o dia seguinte.
16 Mas se o sacrifício da sua oferta for voto ou oferta voluntária, deverá ser comido no dia em que for oferecido, e no dia seguinte se comerá o que sobrar;
17 mas o que ainda sobrar da carne do sacrifício será queimado no fogo até o terceiro dia.
18 Se parte da carne da oferta pacífica for comida no terceiro dia, a oferta não será aceita nem terá valor para aquele que a tiver oferecido; será algo repugnante, e quem dela comer sofrerá por causa do seu pecado.
19 A carne que tocar alguma coisa impura não poderá ser comida; será queimada no fogo; mas todo aquele que estiver puro poderá comer da outra carne.
20 Porém, se alguém estiver impuro e comer a carne do sacrifício da oferta pacífica, que pertence ao SENHOR, será eliminado do seu povo.
21 Se alguém tiver tocado alguma coisa impura, como impureza de homem, ou gado impuro, ou qualquer abominação impura, e comer da carne do sacrifício da oferta pacífica, que pertence ao SENHOR, será eliminado do seu povo.
22 Deus proíbe comer a gordura e o sangue Depois o SENHOR disse a Moisés:
23 Fala aos israelitas: Não comereis nenhuma gordura de boi, nem de carneiro, nem de cabra.
24 A gordura do animal que morre por si mesmo, ou é dilacerado por animais selvagens, poderá servir para qualquer outro fim, mas não poderá ser comida de maneira alguma.
25 Quem comer da gordura de animal oferecido como oferta queimada ao SENHOR será eliminado do seu povo.
26 E não comereis sangue algum, nem de aves, nem de gado, em nenhuma das vossas habitações.
27 Toda pessoa que comer sangue será eliminada do seu povo.
28 A porção dos sacerdotes O SENHOR disse a Moisés:
29 Fala aos israelitas: Quem oferecer sacrifício de oferta pacífica ao SENHOR levará a respectiva contribuição da sua oferta pacífica ao SENHOR.
30 Levará com as próprias mãos as ofertas queimadas do SENHOR; levará o peito com a gordura, para movê-lo como oferta de movimento diante do SENHOR.
31 E o sacerdote queimará a gordura sobre o altar, mas o peito pertencerá a Arão e seus filhos.
32 Dareis ao sacerdote a coxa direita dos sacrifícios das vossas ofertas pacíficas, como uma contribuição.
33 Aquele dentre os filhos de Arão que oferecer o sangue e a gordura da oferta pacífica terá a coxa direita como sua porção,
34 pois tomei o peito movido e a coxa ofertada das ofertas pacíficas dos israelitas e os dei ao sacerdote Arão e a seus filhos, como sua porção para sempre, entre os israelitas.
35 Esta é a porção sagrada das ofertas queimadas do SENHOR reservada a Arão e seus filhos, desde o dia em que foram apresentados para servirem ao SENHOR como sacerdotes;
36 no dia em que os ungiu, o SENHOR ordenou que os israelitas lhes entregassem essa porção, que é deles para sempre, através de suas gerações.
37 Esta é a lei do holocausto, da oferta de cereais, da oferta pelo pecado, da oferta pela culpa, da oferta da consagração e das ofertas pacíficas,
38 que o SENHOR entregou a Moisés no monte Sinai, no dia em que este ordenou aos israelitas que oferecessem as suas ofertas ao SENHOR, no deserto do Sinai.
Velho Testamento Novo Testamento
Gênesis Esdras Joel Mateus 1 Timóteo
Êxodo Neemias Amós Marcos 2 Timóteo
Levítico Ester Obadias Lucas Tito
Números Jonas João Filemom
Deuteronômio Salmos Miquéias Atos Hebreus
Josué Provérbios Naum Romanos Tiago
Juízes Eclesiastes Habacuque 1 Coríntios 1 Pedro
Rute Cânticos Sofonias 2 Coríntios 2 Pedro
1 Samuel Isaías Ageu Galatas 1 João
2 Samuel Jeremias Zacarias Efésios 2 João
1 Reis Lamentações Malaquias Filipenses 3 João
2 Reis Ezequiel Colossenses Judas
1 Crônicas Daniel 1 Tessalonicenses Apocalipse
2 Crônicas Oséias 2 Tessalonicenses
Estamos comentando esta Bíblia: ajude a divulgar esse projeto, faça um link em seu blog ao nosso site!

Salmos Mais Lidos

Outros livros bastante lidos

Versículos Mais lidos